Categoria: Dicas

Tags HTML quase desconhecidas, mas muito úteis para os seus formulários

Introdução

Mesmo para quem trabalha com design ou desenvolvimento para Web, algumas tags são desconhecidas ou de pouca utilidade, no entanto, algumas vezes elas podem simplificar nossa vida na hora de escrever o código HTML de uma página. Neste artigo, vamos conhecer algumas tags que se encaixam nessa situação: <fieldset><legend> e <optgroup>. Todas elas podem ser usadas para adicionar funcionalidades interessantes a formulários. Espera-se que o leitor tenha conhecimentos básicos de HTML e CSS para melhor compreensão deste texto.

<fieldset> e <legend>

A tag <fieldset> é usada para agrupar elementos relacionados dentro de um formulário, desenhando uma borda em torno desses elementos. Ela é especialmente útil na organização de formulários extensos. Junto com ela, usamos a tag <legend> para definir um título para o bloco. Veja um exemplo: Dados PessoaisNome:  E-Mail:  O código HTML para este trecho é:

<fieldset>
	   <legend>Dados Pessoais</legend>
	   <p>Nome: <input type="text" /></p>
	   <p>E-Mail: <input type="text" /></p>
	</fieldset>

Se você tem conhecimento de CSS (Cascading Style Sheets), pode estilizar seu bloco de elementos e deixá-lo com uma aparência exclusiva. Veja nos exemplos como o mesmo código HTML acima pode ser personalizado de diferentes maneiras: Dados PessoaisNome:  E-Mail:  Dados PessoaisNome:  E-Mail:  Tanto a tag <fieldset> quanto a tag <legend> podem receber os atributosidclasstitle,styledirlang e acceskey, e os eventosonclickondblclickonmousedownonmouseup,onmouseoveronmousemoveonmouseoutonkeypressonkeydown e onkeyup.

Diferenças entre navegadores

Apesar de ser suportada pelos principais browsers do mercado, a tag <fieldset> é renderizada de maneira diferente no Internet Explorer e nos demais navegadores (Firefox, Chrome, Safari e Opera). Talvez seja por isso que ela é pouco conhecida ou utilizada, mas é importante ressaltar que essa diferença pode ser facilmente corrigida com CSS. Nas versões 6, 7 e 8 do navegador da Microsoft, a <fieldset> é mostrada com uma borda cinza arredondada, enquanto a tag <legend> é renderizada por padrão na cor azul. Nos demais navegadores, a tag <fieldset> tem borda quadrada e preta, e o texto da tag <legend> é exibido em preto. Veja a diferença:

<optgroup>

A tag <optgroup> é usada dentro de uma lista de seleção (<select>) para agrupar opções (<option>...</option>) relacionadas entre si. Ela tem como atributo obrigatório label, ou seja, é preciso definir uma descrição para cada grupo de opções. Mas o que torna esta tag útil, especialmente para desenvolvedores, é o atributo disabled, com o qual podemos desabilitar um grupo de opções de uma só vez. Veja um exemplo:

<select> <optgroup label="Cores"> <option>azul</option> <option>vermelho</option> </optgroup> <optgroup label="Formas" disabled="disabled"> <option>círculo</option> <option>quadrado</option> <option>triângulo</option> </optgroup> </select>

Outros atributos aceitos por essa tag são classdirltridlang e style. Os eventosaceitos por ela são onclickondblclickonmousedownonmousemoveonmouseoutonmouseover,onmouseuponkeydownonkeypress e onkeyup.

Diferenças entre navegadores

Assim como acontece com a tag <fieldset>, o que provavelmente impede a popularização da tag <optgroup> é a diferença de renderização entre navegadores. No Internet Explorer, os itens desabilitados são exibidos exatamente como os itens em que o usuário pode clicar (permitindo inclusive o clique, o que é ruim do ponto de vista da usabilidade porque o usuário pode achar que o sistema não está respondendo à sua ação). Veja na imagem abaixo como é possível selecionar o item “círculo” dentro do grupo “Formas”, que está desabilitado. Já em outros navegadores, os itens desabilitados aparecem em cinza, indicando que não podem ser escolhidos (apenas no Opera o título de cada grupo é exibido com texto branco sobre fundo preto), e em nenhum deles é possível escolher em um item desabilitado.

A diferença visual entre os navegadores pode ser corrigida através de CSS, mas quando a lista de opções é dinâmica (dentro de um sistema onde os valores mudam constantemente, por exemplo) o trabalho que essa correção gera pode muitas vezes explicar o porquê de designers e programadores não terem a tag <optgroup> na lista de mais usadas para melhorar seus formulários.

Veja Como Criar uma Conta no 4 Shared

4 Shared

Criar uma Conta no 4 Shared sem complicação passo a passo! O 4 Shared é um site criado para hospedar músicas, vídeos, fotos, livros digitais, além de permitir que o usuário faça downloads e hospede seus arquivos gratuitamente. O serviço foi lançado por Alex Lunkov e Sergey Chudnovsky em 2005.

Para que Criar uma conta no 4 shared?

É necessário criar uma conta no 4 Shared, para ter acessar os serviços do site.Incialmente você terá um espaço de upload equivalente a 10240 MB (1GB), após confirmação de seu e-mail, o espaço será expandido para 15 GB. Contas premium tem até 100 GB de espaço.
Para criar a conta basta clicar em Sign Up (Cadastro), em seguida você será redirecionado para outra página. Siga os passos:

criar uma conta no 4 shared

Depois de clicar em  Sign Up (Cadastro), você precisa cadastrar um e-mail valido, uma senha e repetir a senha informada no campo “Confirm password” (confirmar senha), seu nome e sobrenome. Após preencher os campos, clique em “Create account” (criar conta).

criar uma conta no 4 shared -img2

Após ter criado sua conta, será apresentado uma página de verificação para que você confirme seu e-mail e uma recomendação para fazer download do 4 Shared versão para desktop, mas é opcional, pois você pode ter todos os recursos no site.

criar uma conta no 4 shared -img3

Veja Como Criar uma Conta no 4 Shared

Depois de confirmar seu e-mail será solicitado o login, digite seu usuário e senha. Ao fazer esse procedimento você será redirecionado para o painel de sua conta.

Bem, é isso aí, espero que este artigo tenha ajudado você que estava com dúvidas sobre como criar uma conta no 4 Shared!

Ficou com alguma dúvida, ou gostaria de acrescentar algo mais? Deixe seu comentário…

Veja como criar um ponto de restauração no windows 7

Por que criar um ponto de restauração?

windows 7

Um ponto de restauração é utilizado para recuperar o sistema caso o computador esteja dando algum tipo problema como instabilidade, mal funcionamento, lentidão e vários outros. Isso pode estar acontecendo após instalar um programa ou mesmo devido a erros que são frequentes nestas máquinas.

Recomendação

É recomendado sempre criar um ponto de restauração antes de instalar qualquer programa ou jogo, assim se algo der errado, tem como deixar o computador ao ponto em que estava antes da instalação.

Criando o ponto de restauração

  1. Clique no menu iniciar;
  2. clique em painel de controle;
  3. clique em Sistema e segurança;
  4. clique em sistema;
  5. No menu do lado direito, clique em proteção do sistema;
  6. Vai abrir a janela “propriedades do sistema”;
  7. Clique na aba Proteção do sistema;
  8. Logo abaixo, você tem a opção de criar um ponto de restauração através do botão “criar“, clique nele;
  9. Na janela que abrir digite uma descrição que identifique o ponto de restauração, exemplo: “ante de instalar microsoft office”.
Veja como criar um ponto de restauração no windows 7

Apos seguir estes passos dará inicio a criação do ponto de restauração, que aliás é bem rápido.

Lembrete: É muito importante criar pontos de restauração sempre antes de instalar jogos ou programas, é muito simples e rápido e garante que se alguma coisa der errado terá como reverter utilizando a restauração do sistema.

Saiba como navegar na internet sem deixar rastros!

navegar na internet sem deixar rastros

Muitas pessoas não sabem que podemos navegar na internet, a vontade, sem que os nossos passos na web fiquem registrados no computador. Todos os browsers (navegadores de internet), gravam no computador um histórico de tudo o que você faz na internet. Isso é, na maioria das vezes, utilizado para que da próxima vez em que você acessar aquele determinado site ou pagina, fique mais rápido o carregamento do mesmo. Mas não é sempre que queremos que os navegadores gravem os nossos passos na web, daí então temos que navegar em modo privado, se não quiser ter que excluir todo o histórico de navegação.

Todos os navegadores (browsers) oferecem a opção de navegação privada, ou seja, é um modo de navegar sem que fique registrado tudo o que você faz na internet. É muito simples, para isso basta acessar ativar o modo privado do navegador em que você está utilizando.

Veja abaixo como acessar o modo de navegação privada nos navegadores mais populares:

acessar o modo de navegação privada
  1. internet Explorer: aperte as teclas CTRL, SHIFT, P juntas (ao mesmo tempo);
  2. Google Chrome: aperte as teclas CTRL, SHIFT, N juntas (ao mesmo tempo);
  3. opera: aperte as teclas CTRL, SHIFT, N juntas (ao mesmo tempo);
  4. Mozilla Firefox: aperte as teclas CTRL, SHIFT, N juntas (ao mesmo tempo);

Quando acessado o modo privado nos navegadores, você verá que vai aparecer no cato superior esquerda da tela o modo de navegação privada ativada.

Programa para baixar Videos do Youtube Gratis

Youtube

O programa para baixar vídeos do youtube que está fazendo o maior sucesso em meio aos internautas, bastante leve para ser baixado, menos de 20MB.

Coisas que você precisa saber antes de começar a programar

O mercado está cada vez mais promissor e oferece ótimos salários para os profissionais da programação. Ou se preferir, podem trabalhar como freelancer e ganhar muito dinheiro, só basta um computador conectado a internet!

Para entrar neste mundo é preciso:

Como baixar Videos do Youtube Gratis
  1. Lógica realmente importa: http://epsicopedagogico.blogspot.com.br É muito comum achar que para nada servirá os estudos de lógica matemática, mas saiba que a lógica é um dos pontos principais da programação. A pessoa que não tiver uma boa lógica, fatalmente não será apta para realizar tarefas mais comuns de programação.
  2. Foco e concentração:

    Não se desvie da estrada -Se você for uma pessoa que está constantemente parando de fazer o que está fazendo para fazer outras coisas, saiba que isso é um obstáculo imenso para programação. Quando for começar a programar, comece a colocar o celular, as redes sociais e a televisão de lado, pois essas coisas o farão perder o foco e a concentração, duas coisas muito importantes na hora de programar.
  3. Trabalho em Equipe:

    É muito comum você precisar mexer no código de outra pessoa quando você está trabalhando na área de programação. Além disso, também é muito comum o seu código interagir com o código de outra pessoa. Por esses motivos, o trabalho em equipe é primordial para quem está querendo trabalhar na área de programação.
  4. Estar preparado para trabalhar além do foi contratado:

    Infelizmente é muito comum um programador trabalhar com banco de dados e design da aplicação. Essa não é uma prática incomum nas empresas. O programador PHP, por exemplo, muitas vezes tem que saber banco de dados mySQL, CSS e HTML para terminar o trabalho entregue em suas mãos.
baixar Videos do Youtube Gratis

Portanto, é sempre importante não parar no tempo e continuamente buscar conteúdo e informação na área, para se aperfeiçoar ainda mais e crescer no mercado de trabalho. O programador precisa também conhecer as melhores ferramentas para programação, como IDEs, Frameworks e Ambientes. Por isso é importante estudar e manter o foco, pois oportunidades é o que não faltam!

Para quem gosta de baixar videos na internet, o programa “aTube Cacher” vem ajudar e facilitar todo o processo de baixar vídeo, trazendo várias ferramentas e recursos otimizados, para que você possa ter sempre os seus videos favoritos guardados em seu computador!

FTP: Como utilizar em Linha de Comando?

Você pode fazer o upload e download de arquivos a partir de outro computador ou servidor usando FTP ou File Transfer Protocol. Enquanto você pode baixar e instalar para -venda, ou software livre para realizar conexões FTP , você também pode executar esta tarefa através da linha de comando no prompt de comando do Windows. Instruções 
1

FTP: Como utilizar em Linha

Clique no botão “Iniciar” . Digite em “Executar” na caixa de diálogo de texto ” Pesquisar programas e arquivos ” . Clique no ícone “Executar” que exibe nos resultados da pesquisa . 2

Digite “cmd” na caixa de diálogo “Executar” e clique em “OK “. 3

Digite “ftp yourdomain.com ” na linha de comando quando o Prompt de Comando do Windows será aberta. Substituir ” yourdomain.com ” com o nome do seu domínio. 4

Pressione “Enter” do seu teclado e digite seu nome de usuário e senha de FTP quando solicitado. O nome de usuário aparecerá como você digitá-lo , mas a senha não vai .

Mais

Comando de ftp (linha de comando)

Se você tem interesse em comandos ftp pelo terminal do linux e quer se aprofundar: Começaremos com os comandos mais importantes terminando com os menos utilizados ao nosso entender.

OPEN

Com este comando se abre uma sessão com o ftp selecionado. Este comando não funcionaria sem previamente ter estabelecido conexão com o servidor FTP mediante a seguinte sintaxe:

ftp 212.152.1.22 Podendo substituir o endereço pelo nome do ftp do domínio ao que deseja acessar.CLOSE Como é evidente, com este comando se fecha sessão.

GET

Este comando provavelmente é o mais utilizado já que é o que se utiliza para baixar os arquivos do servidor remoto de FTP. Você tem que estar no diretório do servidor remoto onde está o arquivo que quiser receber. Será copiado no diretório local no qual estiver. get arquivo.txtPUT Este como o segundo é muito utilizado fazendo justamente o contrário, transferindo os arquivos ao servidor de FTP. Os arquivos de origem são tomados do computador local, do diretório onde estiver situado em local. Transfere-se ao diretório remoto onde estiver situado. put arquivo.txt LCD Especifica o diretório local sobre o qual vamos trabalhar, ou seja, onde colocaremos os arquivos que queremos compartilhar com o servidor remoto. CD Este comando age da mesma forma que em MS-DOS, ou seja, se utiliza para se mover através dos diretórios do servidor de FTP. LCD Tem a mesma função que o anterior, porém este aplicado a seus diretórios locais. LS Com este comando tiramos uma lista de diretórios e arquivos encontrados no servidor, age da mesma forma que no intérprete de comandos em Linux. DELETE Cuidado com este comando, que só se pode aplicar ao servidor remoto, já que se utiliza para apagar arquivos que se encontre em tal servidor com o qual estamos conectados. Só poderão utilizá-los, usuários que tiverem as permissões adequadas. APPEND Permite renovar um download que por qualquer motivo tiver sido interrompido. Este comando pode ser muito útil quando tentamos downloads de arquivos bastante pesados, que demorem muito tempo, já que pode renovar o download no ponto que você a deixou. MPUT Este comando nos permite transferir vários arquivos de uma vez ao servidor remoto, é bastante útil quando se necessita transferir vários arquivos. MGET Faz a operação inversa que o anterior, ou seja, baixa vários arquivos do servidor em remoto, de uma só vez. USER Com este comando mudamos de usuário e iniciamos sessão com outro usuário diferente. BYE Por último, há um comando que fecha a sessão e sai do programa de ftp de forma que todas as sessões abertas se fecham.

Todos estes comandos se utilizam no console, ou seja, no modo texto de Linux.

Em MS-DOS (e o console de comandos de Windows) funcionam praticamente todos os comandos da mesma forma, por tanto se não tiver Linux e quiser provar, simplesmente terá que instalar um cliente ftp para MS-DOS em seu sistema. Geralmente, os sistemas Windows já têm instalado o cliente FTP pela linha de comandos, por isso, o mais provável é que não necessite instalar nada.

OMIGA PLUS – Como Remover??

Siga os passos a seguir e depois instale o programa REVO e veja se sobrou rastros do OMIGA PLUS Quando encontrar aplicativos freeware on-line, não tenha tanta apressada para instalá-los em seu PC. Programas como o vírus Omiga Plus podem ser mais arriscados do que parecem. Naturalmente, o Omiga Plus não é um vírus de computador genuíno, mas pode facilmente ser considerado um aplicativo potencialmente indesejado, pois pode usar técnicas complicadas de promoção, a fim de entrar em seu sistema. Se você se encontrar em uma situação em que esse programa está ativo em seu computador, então você é fortemente aconselhado a removê-lo do seu computador e proteger o seu sistema contra aplicativos potencialmente perigosos.Revo Uninstaller (Foto: Reprodução/Revo Uninstaller)

É realmente difícil encontrar o link de download oficial do Omiga Plus, mas é muito mais fácil baixar o programa com aplicativos gratuitos em sites de terceiros. Uma vez que este programa é instalado no seu PC, serão exibidos novos painéis de ícones em sua tela, com seus ícones mais importantes. Em suma, o Omiga Plus deveria ajudar você a organizar seus programas e arquivos. Este aplicativo também pode ajudá-lo a esconder vários ícones que estão inativos por um longo período de tempo. Naturalmente, essas funções não têm nada em comum com malwares de computador, mas mesmo assim, o Omiga Plus pode violar a sua privacidade e a segurança do seu sistema.

O problema é que o Omiga Plus geralmente vem com uma variedade de programas freeware que podem vir a ser prejudiciais para o seu computador. Além disso, em longo prazo, estes aplicativos de software gratuitos podem ser tomados por hackers, que irão redirecioná-lo para sites afiliados com fins de marketing, ou pior – irão infectá-lo com malwares. Por isso, os usuários são aconselhados a ter cautela ao instalar aplicativos freeware em seu computador. Você pode pensar que o Omiga Plus em si não é perigoso, mas sempre haverá algo suspeito com softwares gratuitos.

Se você quiser evitar programas potencialmente perigosos, modificações em seu navegador e outras ameaças de computador, você deve remover o Omiga plus agora, bem com o resto dos aplicativos. Se você não tem certeza de quais programas devem ser retirados do seu PC, faça uma verificação completa do sistema com o SpyHunter e, em seguida, invista em uma ferramenta antimalware poderosa para proteger o PC de potenciais ameaças.

1º parte: Remoção Manual do Omiga Plus Vírus

Windows 8

  1. Clique com o botão direito do mouse na tela inicial do metro.
  2. Verifique o canto inferior direito para o botão Todos os apps.
  3. Clique no botão e escolha Painel de controle.
  4. Selecione Exibir por: Categoria (esta é geralmente a exibição padrão), e clique em Desinstalar um programa.
  5. Clique sobre o nome da infecção e remova-o da lista.

Windows Vista e Windows 7

  1. Vá ao Menu Iniciar –> Painel de Controle.
  2. Selecione Exibir por: Categoria (geralmente é o modo de exibição padrão) e vá para Desinstalar um programa.
  3. Clique no nome da infecção e desinstale-a.

Windows XP

  1. Vá ao Menu Iniciar –> Painel de Controle.
  2. Selecione Adicionar ou Remover Programas.
  3. Clique no nome da infecção e remova-a da lista.

 

2º parte: Remover rastros com o REVO

Alguns programas não aparecem na lista “Desinstalar um programa” no Painel de Controle do Windows. O Revo Uninstaller pode desinstalar programas “escondidos” na sua máquina. Não há com o que se preocupar: nem sempre estes programas são malwares ou vão causar danos. Às vezes, são recursos do sistema ou programas secundários que não têm função específica, mas ocupam espaço no disco.

Revo Uninstaller Pro desinstala programas que não estão listados no Painel de Controle (Foto: Arte/TechTudo)

Infelizmente, este recurso de desinstalar programas escondidos não está disponível na versão freeware do Revo. A versão Pro (US$ 39,25 ou R$ 89,51) tem 30 dias grátis para teste. Ou seja, o bastante para você fazer uma limpeza pontual no seu computador e resolver esses problemas. Veja como funciona: Passo 1. Instale o Revo Uninstaller Pro; Passo 2. Com o botão direito do mouse, clique no ícone e escolha Executar como Administrador;

revo0
Selecione “Executar como administrador” no Revo Uninstaller (Foto: Reprodução/Alessandra Picoli)

Passo 3. Clique em Desinstalação Forçada;

revo1 (Foto: revo1)
Escolha a opção “Desinstalação forçada” no Revo Uninstaller (Foto: Reprodução/Alessandra Picoli)

Passo 4. Escolha a opção Avançado. Você pode procurar a pasta em questão no seu computador clicando em Procurar ou usar o nome completo do programa a ser desinstalado;

revo2
Escolha a pasta do programa ou digite o nome para busca no Revo Uninstaller (Foto: Reprodução/Alessandra Picoli)

Passo 5. Às vezes, o Revo Uninstaller Pro vai dizer que foram encontradas “sobras no registro”. Clique em Selecionar tudo e Excluir;

revo3
Selecione tudo e exclua no <b>Revo Uninstaller</b> (Foto: Reprodução/Alessandra Picoli)

Passo 6. Encontradas sobras de arquivos e pastas, clique em Selecionar tudo e Excluir;

revo4
Novamente no Revo Uninstaller, escolha Selecionar tudo e Excluir. (Foto: Reprodução/Alessandra Picoli)

Passo 7: Confirme a exclusão.

revo5
Clique em Sim para excluir os arquivos com o Revo Uninstaller (Foto: Reprodução/Alessandra Picoli)

Como logar o Facebook bloqueado

Recomendamos que use a rede social nos momentos de folga, não atrapalhando o desempenho
O Facebook é uma rede social que foi lançada em 2004, e serve para reunir pessoas e amigos, do circulo de amizades e até mesmo para conhecer outras. Serve para aqueles que tem convívio diário, e até mesmo para aproximar aqueles que moram a milhares de quilômetros de distância.É notável o grande crescimento desta rede. Afinal de contas, a Rede social tomou conta de uma maneira tão rápida, que foi capaz de acabar com outros tipos de redes sociais como o Orkut e MSN, que eram antigos fenômenos da internet.Atualmente, é difícil você conversar com uma pessoa e a mesma não ter Facebook. Todo mundo tem o popularmente conhecido: “Face”.
Por ser uma febre tão grande, acabam tomando muito tempo de um trabalhador numa empresa, por exemplo. O mesmo pode deixar de desempenhar suas tarefas e passar o tempo todo na rede social.Para solucionar este problema, muitas empresas tomaram a decisão de bloquear o acesso dos funcionários durante o período de trabalho. É comum hoje tentar entrar na página do facebook e aparecer um aviso de “site bloqueado”.Contudo, como brasileiro dá um “jeitinho” em tudo, muitas pessoas conseguem utilizar a rede social, mesmo estando bloqueada. E existem diversas maneiras para conseguir essa proeza.Uma forma bastante comum é ao invés de entrar em facebook.com, (pois geralmente essa página que estará bloqueada no sistema da empresa), usar o endereço “m.facebook.com”, que é a página mobile.  Outra maneira também é adicionar um “S” no “http:/facebook.com. Exemplo: https:/facebook.com , pois ocorre a mesma situação citada anteriormente.Porém, essas duas maneiras só funcionam se ocorrer uma falha na TI de sua empresa. Mas como já está todo mundo esperto em relação aos que querem burlar o sistema, fica cada vez mais complicado. O ideal é que você desempenhe seu trabalho, e num momento de folga, acesse a rede social rapidamente. Feito isso, não há necessidade da empresa solicitar o bloqueio da rede social.

10 Aplicativos grátis para iPhone, iPod Touch e iPad

Veja 10 dicas de aplicativos para utilizar no seu iDevice. Todos são grátis e extremamente úteis, ou a maioria deles. Todos os aplicativos foram testados e fazem muito bem o que se comprometem.

 

 

1- Stanza

Ótimo aplicativo para ler livros no seu iPhone, iPod Touch e iPad. Stanza possui uma interface amigável e de fácil utilização.

 

(mais…)